/blog

Suporte a ALB, novos perfis, tags, relatórios de gestão

Suporte a ALB

O AWS lançou a nova geração do seu Load Balancer, o Application Load Balancer – ALB. A sua principal característica é o roteamento de tráfego na camada de URL/Domínio – na prática, rotear as requisições dos clientes para grupos de servidores respeitando regras, como “/application”, “/images” e/ou “dominio.com.br”, “dominionovo.com.br”. Estas novas rotas e regras são mapeadas por ‘Target Groups’ que determinam um ‘de-para’: chegou uma requisição, aplicam-se regras e esta é entregue para um dos servidores conectados ao Target Group. Um ALB pode ter múltiplos Target Groups e assim rotear tráfego de URLs distintas para endpoints distintos e especializados.

O antigo, Clássico, roteia somente para “portas”, como 80 (HTTP) e/ou 443 (HTTPS).

Dado o ganho de flexibilidade e escalabilidade, o uso do ALB se tornou bem popular e agora o Cloud8 já o suporta assim como já suportávamos o Load Balancer clássico.

Veja o que já é possível fazer:

  • visualizar os detalhes: Target Groups, servidores conectados, zonas de disponibilidade e VPC subnets;
  • conectar e desconectar servidores a um Target Group específico;
  • alertas se há problemas com Connection Draining e/ou política de SSL escolhida;
  • edição de tags (veja próximo tópico sobre as tags);
  • visualização dos grupos de segurança aos quais o LB está conectado no gerenciamento de SGs;
  • visualizar e analisar os custos detalhadamente;
  • agendamentos de conexão e desconexão.

Confira os agendamentos para ALB:

Há diversos casos de uso para se usar agendamentos com Load Balancers:

  • otimização/economia de recursos ao consolidar o tráfego para menos servidores em um determinado horário;
  • orquestração para upgrade/downgrade de servidores. Workflow: desconectar do LB -> parar servidor -> (que tal um backup assíncrono?) -> upgrade/downgrade -> ligar servidor -> conectar ao LB. Repetir para o segundo servidor apos 15 minutos e assim por diante;
  • integração contínua com execução de EC2 Commands e conexão/desconexão a LBs em um workflow programado toda a noite;
  • o seu caso de uso!

Perfis: novas ações

Já havíamos anunciado anteriormente o suporte a perfis com ações do agendador para servidores EC2. Agora já suportamos para ações de RDS como parar/iniciar – delegue a gestão da economia para os times e/ou responsáveis.

Além disto, criamos mais ações por perfis e auditáveis no log:

  • edição de tags dos componentes;
  • edição de grupos de segurança conectados a servidores – somente grupos que estejam conectados a servidores à sua escolha;
  • visualização de discos conectados aos servidores com permissão;

Caso de uso interessante: temos clientes que criaram usuários que combinam perfil ‘financeiro’ (com permissão de análise de custos) e com perfis de edição de tags de todos os componentes. Com esta configuração, o próprio pessoal do financeiro pode gerenciar a alocação das tags sem onerar tempo e recursos de TI.

Nota: se utilizar o Cloud8 na forma WhiteLabel (https://painel.cloud ou URL própria), pode produtizar o agendador e oferecer mais funcionalidades para o seu cliente final. É possível combinar este perfil com outros como gerenciar DNS, Banco de dados, métricas, etc – customize um painel de controle por usuário/cliente!

Tags: Load Balancer e Route53

Uma das melhores práticas recomendadas pelo AWS é o uso de tags em todos os componentes. Seja para fazer o rateio ou para acompanhar o custo e consumo de um determinado recurso.

O Cloud8 passa a suporte a edição de tags nos Load Balancers (seja Clássico ou Application LB) e nas zonas de DNS do Route53 – este último é particularmente difícil de fazer pelo console AWS (sic – deveria ser simples, mas não é…) e que geralmente é deixado de lado na maioria dos clientes que encontramos. Não deixa de usar tags nos domínios!

Novos relatórios de gestão

O Cloud8 lançou recentemente relatórios de gestão que permitem o acompanhamento em forma de resumo e dados de gestão de diversos cenários:

  • Backup status – quem está sem backup;
  • Tempo ligado dos servidores – habilitado a pedido;
  • Inventário de backups/snapshots por período;
  • Resumo dos custos de todas as contas AWS e estimativas;
  • Rateio do próprio Cloud8 para fins de multi provedor- habilitado a pedido;
  • Servidores parados há muito tempo;

Nesta nova versão, habilitamos mais 2 relatórios:

  • Agendamentos executados por período – pode optar por receber todos ou somente que apresentaram erro no AWS ou algum tipo de alerta;
  • Componentes sem tags – mais detalhes no próximo post!

Precisa de mais algum relatório? Fale conosco!

Outros

Seguem outras melhorias e correções que merecem destaque:

  • Suporte a nova zona de disponibilidade em EUA-Virgínia – us-east-1f;
  • Suporte a nova zona de disponibilidade na Alemanha – eu-central-1c;
  • Custos: análise de custos para AWS Lambda mostra custos e uso quebrado por região e nome da função chamada;
  • Custos: análise de custos para ElastiCache mostra custos e uso quebrado por região e nome do cluster;
  • Custos: suporte a Chime Dialin;
  • Dashboard de componentes não utilizados mostra o custo acumulado do quanto pode ser economizado;
  • Refactoring da aplicação de custos (Custos EC2/RDS) para ficar mais rápida e com melhor controle sobre os filtros;
  • RDS: suporte a mais eventos de erro como falha de option groups, instalação de Oracle em tipo não compatível. migração para Aurora com falhas, falta de capacidade no AWS para upgrade/downgrade;

Dúvidas, críticas, sugestões? Entre em contato!

Att
Equipe Cloud8

Comentários