/blog

Agendador + LBs, novas plataformas, custos e filtros

Novidades do mês de setembro!

Agendador: melhorias no workflow com Load Balancers

O agendador tem sido muito utilizado para economizar no AWS: desligar infraestrutura ociosa em horários que não precisa estar ligada, parar ambiente de desenvolvimento, upgrade/downgrade de EC2/RDS, etc.

Também é possível orquestrar ações em servidores que estão atrás de Load Balancers. Por exemplo, desconectar do LB e em seguida desligar um servidor. Pode-se fazer ainda o upgrade/downgrade de 2 (ou mais) servidores sem downtime! Veja como ficaria o workflow:

  • desconectar de um LB
  • parar servidor
  • downgrade
  • iniciar servidor (inclui de forma transparente a conexão do IP Elástico – se tiver)
  • conectar ao LB

Com mais servidores, repete-se este mesmo processo em intervalos seguintes, por exemplo 15 minutos depois. Desta forma, você não perderia nenhuma requisição.

Novidade: alguns clientes estão condensando cargas de vários servidores em servidores maiores para fins de economia. Como o AWS permite que vários LBs mapeiem um servidor, é possível ter vários ‘endpoints’ de aplicações (DNS/Domínio do ELB) apontando para um pool de servidores na mesma VPC e servindo a todas as requisições.

O agendador permite que se desconecte o servidor de um LB específico (anteriormente desconectava de todos). Veja como ficou os parâmetros de orquestração.

agendador-descon-lb

Agora você tem mais uma opção de economia!

Visibilidade da plataforma dos servidores

Incrementamos a coluna ‘plataforma’ da lista de servidores com as seguintes plataformas:

  • Linux
  • Windows
  • Red Hat Enterprise Linux
  • Suse Linux Enterprise Server
  • Windows SQL Server Standard
  • Windows SQL Server Web

Por que isto é importante? Os custos são maiores que o do SO pleno (pois incluem as licenças do software) e facilita-se a pesquisa bem como a compra de instâncias reservadas. Outro motivo, é que dependendo da template AMI que usou da lista pública no AWS, pode ser que ela herdou alguma licença e que no momento da criação do servidor não ficou claro que pagaria mais. Com esta transparência na visibilidade, esperamos ajudar a ter controle melhor sobre o que roda na sua nuvem.

Melhorias na Análise de custos dos componentes

Melhoramos performance, detalhamento e estimativa desde o lançamento. Também inserimos um botão de ‘zoom’ em todos os gráficos para que os veja em tela cheia e exporte no formato que desejar.

custos-zoom

+ Filtros e exportação dos Logs de Auditoria

Continuamos a investir em visibilidade e transparência. A criação de filtros e mecanismos de buscas é parte importante da interface para que os clientes ganhem produtividade, possam encontrar informações e fazer diagnósticos e análises de forma rápida.

Neste mês melhoramos ainda mais os filtros:

  • Busca por 2 ou mais palavras chaves separadas por vírgula. Ex: 2 servidores: “i-xxxxx,i-yyyyy”;
  • Busca inversa. Pode-se colocar um “-” para trazer “tudo, menos…”. Ex: “-i-xxxxxx”, “-Nome”, etc;
  • Lista de servidores: filtro para buscar quais servidores estão alocados com Instância Reservada e quais não – facilita análise para comprar novos;
  • Filtro na coluna de ‘Conectado a servidor’ em Discos;
  • Filtros de métricas com mais opções: renomear e regravar com novas configurações.

Já os logs de auditoria em linguagem de negócio e técnica tem possibilitado o diagnóstico de diversos eventos: ‘sumiço’ de IPs elásticos, mudanças de regras de grupos de segurança, logins no console AWS, etc.

Muitos clientes precisavam compor relatórios gerenciais a partir de buscas e segmentações realizadas. Criamos um botão parar ‘Exportar’ os logs em formato CSV da mesma forma que é possível exportar o inventário dos seus componentes de infraestrutura.

Compartilhamento de Snapshot

Já era possível compartilhar imagens entre diversas contas AWS e agora estendemos esta funcionalidade para os snapshots.

snapshot-sharing

Um caso típico de uso é a criação de uma base de ‘snapshots’ em uma conta principal e o compartilhamento com outras contas. Quando precisa criar um disco, basta usar o snapshot centralizado e compartilhado (o mesmo vale para os AMIs ‘centralizados’).

Mais novidades

Continuamos a implementar novas melhorias em todas as funcionalidades do Cloud8.

  • Análise de custos: suporte ao AWS Service Catalog e Suporte Enterprise;
  • Melhor checagem nos alertas de infraestrutura dos servidores para evitar falso-positivos caso esteja no meio da execução de um backup ou de uma tarefa de um agendamento;
  • Exportação do catálogo de componentes: inclusão da coluna ‘custos’ para os perfis que possuem permissão;
  • Gráficos de billing: tooltip dos custos agrupada em uma só para melhorar visualização;
  • Alerta de sincronização de novo servidor: se for um servidor criado dentro do OpsWorks indica com o ícone e o tooltip do Stack;

Sugestões? Dúvidas? Críticas? Envie para nós!

Obrigado!
Equipe Cloud8

Conheça o Cloud8! Acesse nossa calculadora e simule o seu cenário, ou crie sua conta para um teste de 15 dias sem compromisso clicando aqui.

Comentários