/blog

10 resoluções de ano novo para gerenciar melhor o seu cloud AWS

Aproveitando a onda das resoluções, levantamos 10 pontos interessantes, dos quais muitos não demandam grande esforço, que trazem um imenso benefício!

  1. Habilitar o CloudTrail em todas as regiões (write events pelo menos!);
  2. Revisar todos os grupos de segurança e ACLs das VPCs alterando, eliminando e documentando as regras inbound e outbound;
  3. Entender os custos detalhados todos os componentes. E não se esqueça de criar um processo interno de para criar Tags de monitoração de custos! (sugestões: “CentroCustos” – ABC, XYZ; “Ambiente” – produção, testes; “Produto” – CRM, ERP; “Departamento” – Marketing, TI;
  4. Migrar todas as instâncias do EC2 Clássico para VPC e usar os tipos novos mais performáticos e baratos;
  5. Estudar o CloudWatch de todas as instâncias (EC2, RDS, ElastiCache, etc) em termos de CPU, I/O de disco, rede e redimensionar para o tipo com melhor custo/benefício;
  6. Migrar “aquele” banco de dados que roda em uma instância EC2 e que precisa gerenciar manual para o RDS (estudar o custo antes!);
  7. Revisar todos os componentes não utilizados – discos, IPs, backups antigos, etc;
  8. Economizar com upgrade/downgrade. Se você já para/inicia instâncias para economizar, lembre-se que é possível fazer upgrade de EC2 e RDS que pode trazer uma economia extra;
  9. Separar ambientes de produção, staging, testes, DR em diversas contas AWS e agregar a conta em uma conta consolidada a parte;
  10. Backup! Tenha certeza que todos os servidores EC2 e RDS possuam backups/snapshots na frequência certa e estejam sendo limpos para não incorrer em custos desnecessários.

Bônus: Aprender algo novo! Que tal Machine Learning, Lambda, EC2 Commands?

O Cloud8 pode ajudá-lo em diversas destas resoluções. Acesse nossa calculadora e simule o seu cenário, ou crie sua conta para um teste de 15 dias sem compromisso clicando aqui.

Comentários